Ipirá - Independente e União empatam na primeira partida de semifinal do grupo “A”

Postado em: 02/05/2011 | Por: Manoel Hito

Marcada por muita confusão por causa do atraso dos árbitros em chegar ao estádio, a primeira partida da seminal do grupo “A” União X Independente terminou empatada em 1X1 e os 15 minutos finais foi disputado totalmente às escuras, com a torcida pedindo o encerramento da partida mais o árbitro Jailson Macedo irresponsavelmente levando a partida até completar os 44 minutos do segundo tempo, para tentar corrigir o atraso provocado por um possível desvio de rota quando ele e seus auxiliares se deslocavam de Salvador para Ipirá.

A partida que era para iniciar às 15h30minhs, segundo o regulamento, pois se uma das equipes entrar em campo depois deste horário é multada em R$ 10 reais por cada minutos de atraso, só teve rolando bola às 16h10min e já era previsto que não teria tempo suficiente para completar o tempo regulamentar do segundo tempo. Em outras condições, com certeza o árbitro da partida, Jailson Macedo, aspirante a FIFA, com responsabilidade teria encerrado a partida aos 25 minutos do segundo tempo, pois naquela oportunidade a visibilidade já era precária, mais numa atitude de risco, ele levou a partida até aos 44 minutos com a visibilidade reduzida a quase zero, mesmo com protesto do torcedor presente que já não conseguiam visualizar nem os jogadores nem a bola no gramado e a coisa só não foi pior, pois neste período não saiu nenhum gol.

Este desconforto foi causado pela insensibilidade dos dirigentes da LIDI, que ao contratar os árbitros para a partida, não fizeram a previsão dos atrasos e não deixaram de sobreaviso outros árbitros, pois o presidente da LIDI, Elton Piedade declarou guerra com o quadro de árbitros de Ipirá que não aceitaram que fossem incluídos dois amigos do presidente na categoria.

Com 40 minutos de atraso a partida começou com o União partindo para cima, pois precisava da vitória para reverter a vantagem do Independente que jogava por dois resultados iguais e para piorar a situação do Cravo Branco, o zagueiro Andre Bahia que era dúvida, logo no primeiro lance sentiu uma contusão muscular na coxa e teve que deixar o gramado, sendo substituído pelo garoto Jean e o primeiro gol da partida saiu aos 16 minutos a favor do União, quando Pitchaco cobrou escanteio pelo lado esquerdo do ataque e dentro da grande área, sem precisa pular, tocou de cabeça no canto esquerdo do goleiro Lucas com a zaga do Independente assistindo inerte. A partir daí o que se viu foi o União fazendo uma verdadeira blitz contra a meta do Independente, mais seus atacantes abusaram de perder gols e o Independente só chegava na meta do goleiro Jabem em jogadas esporádicas e o primeiro tempo terminou assim, 1X0

Para o segundo tempo, quando se esperava que o União fosse aumentar a vantagem, o panorama mudou e o Independente completamente mudado, conseguindo tomar as iniciativas da partida e mandar completamente nas ações e o União inexplicavelmente completamente inerte e para piorar a situação do verdão, aos 05min Tone Galego fez uma arrancada pelo lado esquerdo de ataque, foi no fundo e já dentro da área, tocou para trás e como a zaga não cortou, Janio, mesmo sentindo uma contusão na panturrilha desde o primeiro tempo e jogando no sacrifício, tocou no canto esquerdo do goleiro Jabem para empatar a partida. O União sentiu o gol tomado e ficou ainda mais perdido dentro de campo e o Independente mandava no jogo, criando várias chances de gol, mais não conseguiu converter e o União tentando sair no contra ataque, mais se perdia nos seus próprios erros, e a partir do 30 minutos, o clima ficou ainda mais tenso, pois a visibilidade era quase zero, mais o árbitro insistia em continuar o jogo, para tentar compensar sua culpa no atraso do início da partida, que chegou ao final sem ninguém enxergar nada.

As duas equipes voltam a se enfrentar no próximo domingo e o Independente joga por um empate para se classificar para a final do campeonato.

FICHA TÉCNICA UNIÃO 1 X 1 INDEPENDENTE

Jabem, Paulão, Babalu, João Carigé e Funchal; Alex, Ventura, Leone (Neguinho) e Pitchaco; Serginho e Pin. Treinador Nenem.

INDEPENDENTE – Lucas, Hugo, Andre Bahia (Jean), Nino e Edivan; Elton, Ricardo, Bidol e Leuzinho; Toni Galego e Jairo (Vane). Treinador Testinha.

GOLS – João Carige para o União e Jairo para o Independente.

CARTÃO AMARELO – Babalu, Funchal, Neguinho do União. Ninho, Edivan, Bidol e Jean do Independente.

ARBITRAGEM – Jailton Mendes, José Carlos e Marcos Teles de SSA e Darlon Souza de Ipirá.

RENDA – Público pagante 797. Renda R$ 3.188,00.

www.ipiranegocios.com.br
Postagem nº: 1458 | Visitas: 454


PUBLICIDADE



Portal Bacia do Jacuípe - Uma Iniciativa da Catú Informática

Ediomário Catureba - Whatsapp 74 99962-3779

ediomario@baixagrande.net - Baixa Grande - BA


utilizadores online