Baixa Grande – Morador da fazenda Pagão tem casa assaltada duas vezes neste ano e carro incendiado por bandidos

Postado em: 05/06/2013 | Por: Ediomário Catureba

O lavrador Laurindo residente na Fazenda Pagão (região do Povoado de Viração), está vivendo dias meses de terror, em janeiro de 2012, eles a esposa trabalha produzindo e vendendo beiju na feira livre em Baixa Grande nos sábado, em janeiro de 2012, quando chegou em casa achou sua residência arrombadas, ao rodar para o fundo da casa observou que o criminoso fugiu enquanto ele rodou a casa deixando um pá de chinelo para trás. Um ano após, em janeiro deste ano, três bandido arrombaram sua porta enquanto assistia TV na sala, anunciaram assalto e levaram o dinheiro que tinha guardado, prometendo voltar outra vez, na época foi dada uma queixa na delegacia local e não obteve os resultados. Durante este período Laurindo colocou grades em todas as portas e janelas de sua residência.


Na noite deste sábado, 1º de junho por volta das 20h, de portas trancadas, Laurindo estava conversando com seu irmão enquanto sua esposa se encontrava no quarto descansando e de fora foi anunciado o assalto. Por cerca de 10 minutos os bandidos gritava e anunciava que abrisse a porta, três tiro foram dados de fora para dentro da residência uma das balas perfurou uma pia parando na geladeira, enquanto tentava arrombar a porta da frente, Laurindo e sua esposa conseguiram fugir enquanto seu irmão apagou as luzes e ficou embaixo da cama. Não observando que o casal havia fugido de casa e não conseguiram arrombar a porta incendiaram a D10 do casal que era usada para carregar o beiju para feira livre, e fugiram sem levar nada, mas deixando um prejuízo que Laurindo calcula em R$ 6.000,00.


Dilema - Com 55 anos, Laurindo agora encontra de mãos atadas, restando somente 5 anos para se aposentar, diz que não tem condição alguma de permanecer no local e nem produzir beiju já que o veículos usado no trafego foi incendiado, sua preocupação agora, em ir a São Paulo e não poder trabalhar devido a sua idade.

    

 

Outros Assaltos na região.
O Agricultor Valdomiro Macedo, teve sua moto tomada em assalto quando chegava em casa no final de 2011, conta na região a alguns anos atrás ema tranquila, mas nos últimos dois anos, tem sido tempo de insegurança. Valdomiro conta o que mais trás insegurança é ver que com tantas coisas ruins acontecendo e até o momento nada foram feito por parte da justiça.
A Agricultora Elenir de Jesus conta em 9 de fevereiro de 2013, teve sua Moto furtada, ela conta como aconteceu o fato e diz não está recuperada do medo que passou, diz está com desejo de comprar outra moto mas sabe que se adquirir será roubada novamente, finalizando ela afirma que: “Somos nós as vítimas deles (Bandidos)”.
A Região do Pagão é conhecida como a maior produtora de produtos derivado da mandioca, hoje diversos moradores foram embora devido a insegurança e outros criaram um pequeno arraia evitando assim ficar distante uns dos outros.

As Investigações
O site procurou o investigador da Policia Civil e o mesmo comentou que esteve no local e já fez os procedimentos, e revela que já foi identificado os criminosos e m breve tomará as posições cabíveis, Assis garantiu que este caso não vão ficar em vão. Sobre a investigação do assalto ocorrido em janeiro, ele comenta que a delegacia passou por uma dificuldade devido a não funcionar aos finais de semana, e diz que a partir desta data com chegada do novo delegado os trabalhos serão normalizados.

 




VÍDEOS



Baixa Grande Laurindo Comenta o terror vivido em 3 Assaltos



Baixa Grande Moradores comentam a insegurança vivida na Fazenda Pagão.


Baixa Grande Investigador comenta a Insegurança vivida no Pagã

www.baciadojacuipe.com.br
Postagem nº: 4520 | Visitas: 802


PUBLICIDADE



Portal Bacia do Jacuípe - Uma Iniciativa da Catú Informática

Ediomário Catureba - Whatsapp 74 99962-3779

ediomario@baixagrande.net - Baixa Grande - BA


utilizadores online